Pelado. Completamente Nu.

Essa é mais uma história real do meu tempo trabalhando em Recursos Humanos por volta de 2006.

A coisa mais interessante e mais irritante em RH são as pessoas. RH lida com pessoas o tempo todo e pessoas são imprevisíveis, esquisitas e, muitas vezes, impossíveis de entender.

Essa história aconteceu quando eu era a pessoa de RH apoiando funcionários de lojas espalhados pelo Brasil. Por eu estar fisicamente longe desses funcionários o nosso contato acontecia principalmente por email e telefone.

Eu sempre fui uma pessoa de chegar relativamente cedo ao escritório. Como o grande movimento começava por volta das 9, eu gostava de chegar um pouco antes, lá pelas 8 da manhã, pra conseguir organizar meu dia antes que a confusão começasse (porque os dias em RH normalmente são bem caóticos).

Nesse dia específico não foi diferente. Cheguei no escritório por volta das 8 da manhã, peguei um café e fui pra minha mesa me organizar. Como eu não gostava de deixar emails pendentes para o dia seguinte, normalmente quando eu chegava para trabalhar só tinha email da Giuliana Flores.

Mas nesse dia tinha um email na minha caixa de entrada que chamou a minha atenção. O assunto era algo como “Urgente – Preciso de Ajuda” o remetente era o supervisor de uma das lojas. Achei estranho porque eu tinha um celular do trabalho e as pessoas sempre me ligavam quando era algo urgente, mas abri o email rapidamente.

O email dizia mais ou menos o seguinte:

Bom dia Dina, tudo bem? Espero que sim.

Estou escrevendo porque hoje, dia xx/xx o funcionário fulano de tal veio trabalhar pelado. Completamente nu.

Ele entrou na loja, parou em frente a uma funcionária, gritou “jesus te ama” e saiu correndo para a rua. Da última vez que o vi ele estava assustando as pessoas na fila do INSS.

Como devo proceder?

Obrigado,

Supervisor da loja

Gente!! Quem em sã consciência, ao encontrar um funcionário pelado em sua loja, ao invés de chamar a polícia, decide seguir o cara pela rua, observa ele, pelado, assustar as pessoas em uma fila, volta para a sua mesa e calmamente escreve um email formal para o RH

Gente!! Quem em sã consciência, ao encontrar um funcionário pelado em sua loja, ao invés de chamar a polícia, decide seguir o cara pela rua, observa ele, pelado, assustar as pessoas em uma fila, volta para a sua mesa e calmamente escreve um email formal para o RH? Quem???

O ser humano é realmente incompreensível e eu acho isso sensacional.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s